Dicas de Pintura de uma Leiga em pintura - Porta Rosa

Bom, continuando a minha saga do "faça você mesma", eu continuo pintando e ajeitando o meu espaço. Minha porta pink do banheiro...

Bom, continuando a minha saga do "faça você mesma", eu continuo pintando e ajeitando o meu espaço.

Minha porta pink do banheiro!



Como eu havia dito a alguns meses atrás aqui, hoje eu posto sobre a minha fascinante porta cor-de-rosa.
Eu, amante da cor rosa, achei a que a porta ficou maravilhosa!! Realmente foi uma audácia pintar uma porta de pink, mas é só a porta do banheiro, então, nem é tão "cheguei" assim, fica num ambiente mais discreto.
Então, no banheiro todo branquinho, temos uma porta pink!!
E eu fiz assim:
Pintei a porta com tinta esmalte para madeira na cor Vibrato, da Coral.
Achei ligeiramente complicado pintar com tinta esmalte porque ela não é solúvel em água e isso pode ser um problema quando se é um "pouco" estabanada como eu.
Forrei todo o chão com papel grudado com fita crepe. O chão estava seguro. Nas bordas do alizar, eu passei a fita crepe para proteger o azulejo.
Então, comecei a pintar.
Poucas dicas eu achei na internet, muita coisa eu fui percebendo na marra. E para facilitar, vou deixar aqui algumas dicas que eu achei super-relevante e que ninguém me ensinou.
Dica 1: Para pintar com tinta esmalte, prefira um rolo pequeno, de esponja, a um pincel. A primeira demão eu passei com pincel, e a tinta, por ser mais espessa, ficaram marcadas as cerdas do pincel na pintura da porta. Pintei toda ela com o pincel, e demorei cerca de uma hora e meia para isso. Para a segunda demão, eu usei um rolinho de esponja, e... nossa, que maravilha!! Bem mais prático do que o pincel e a tinta fica uniforme na porta, encobrindo parte das ranhuras do pincel. O rolinho, além de ser mais rápida a aplicação, consome muito menos tinta. Economizei tempo e tinta usando o rolinho.
Dica 2: Comece a pintar a porta com ela FECHADA! Sim, porque a primeira demão eu comecei a pintar com ela aberta, e quando fui pintar do outro lado, eu tinha que fechar a porta, e a parte das bordas que já estavam pintadas encostaram no batente e ficaram marcadas. Conclusão, tive que refazer a pintura onde o batente encostou. Então, o ideal é começar a pintar o lado da porta com ela fechada, depois você abre ela e pinta do outro lado.
Dica 3: Não se esqueça de encapar a maçaneta e o espelho da maçaneta, sua mão ainda não é precisa a ponto de pintar sem esbarrar nestes metais, e dá um trabalhinho tirar a tinta depois.
Dica 4: O alisar e o marco devem ser pintados com o pincel. Eu bem que tentei pintar com o rolinho, mas não é muito prático, no final das contas você terá que dar o acabamento com o pincel mesmo.

Depois de pintar cada demão, limpe bem o pincel e guarde bem arrumado para não estragar. A limpeza do pincel pode ser feita com água e sabão, esfregando bem, no sentido das cerdas para não estragar o pincel. Assim como o rolinho.
Fiquei muito na dúvida se podia lavar os instrumentos em água corrente, uma vez que a tinta esmalte não é solúvel em água e essa água vai pelo ralo à baixo. Mas essa foi a orientação que a Coral me deu. É só lembrar que a água vai para a caixa de gordura e lá, passa por uma filtragem até chegar na linha de esgoto. Ou seja, lave na pia da cozinha.
Eu não achei que esta limpeza foi suficiente, o pincel e o rolinho ficaram com resíduos de tinta, e ficaram rosa. Mas acho que estes resíduos não vão sair se eu usar o pincel com outra tinta. Para finalizar a limpeza, eu deixei eles de molho na aguarás para soltar o máximo que deu da tinta. Essa aguarás não pode, de jeito nenhum, jogar no ralo. É um solvente forte e prejudicial. O produto que você usou para limpar o pincel pode ser reaproveitado. Limpe os instrumentos numa vasilha de vidro e depois, guarde o aguarás usado em uma garrafa de vidro. A tinta vai decantar no fundo da garrafa e você ainda pode reutilizar o solvente em outra pintura. É só tomar cuidado para o resíduo do fundo não se misturar novamente ao liquido.

Depois de pronta a pintura, a porta ficou uma graça! Mas aí bate aquele cansaço para limpar as rebarbas de tinta que ficam na parede. Se você for como eu, mesmo com a fita crepe colada no azulejo, você vai borrar além dele. Obviamente, isto aconteceu comigo. Eu comecei a limpar o azulejo com um pano embebido na aguarás para dissolver a tinta grudada, e isso era muito cansativo e desgastante. Acabei deixando pra lá.
Dois meses depois que eu pintei a porta, eu resolvi limpar as rebarbas, afinal, em breve eu vou inaugurar oficialmente o Studio e ele não pode estar com essas rebarbas de tinta aparecendo.
Vi que a tinta depois de bem seca sai facilmente com sabão e água. Que maravilha!!
Retirando a fita crepe de proteção ao redor do alisar
Com uma buchinha de lavar louças, com o lado poroso ensaboado, eu esfreguei sem muita dificuldade o azulejo e a tinta saiu na maior facilidade.
Fácil, simples e sem cansar. Então, a dica é deixar a tinta secar bem (não precisa ser dois meses!) e passar a esponjinha com sabão. Sai tudo facilmente.
Tinta que saiu além da fita crepe


Esponjinha com sabão

Limpinho e brilhando sem esforço
Uma outra dica é você ter cuidado ao usar ao aguarás em relação às suas mãos. Mesmo usando luvas de borracha, o produto fica no "ar" e agride a pele da mão. Enquanto eu fazia a pintura eu nem fiz as minhas unhas porque ficaram realmente debilitaras e ressecadas. Então, depois de cada pintura, hidrate as mãos e não esteja com as unhas pintadas porque elas vão se estragar mesmo.

Bom, esta foi a minha experiência ao pintar a porta.
Em breve, eu vou pintar as paredes de dentro do Studio e colocarei aqui o meu relato.
Ah sim, só pra constar, depois que eu tive todo esse trabalho de pintar a porta, apareceram cupins e fizeram furinhos na porta. Que decepção!! Eu teria que trocar a porta??? Eu tinha acabado de pintar e teria que descartar??? Eu taquei um moooooonte de veneno na porta e resolveu. Matou os cupins, mas os furinhos ficaram. Vai ficar assim mesmo, deixa eu curtir um pouco a minha porta rosa, depois eu mudo por outra rosa sem cupim.
Cupins!!! Ahhh!! Furos... furos...
Eu e a minha pinta de pintora! 







You Might Also Like

4 comentários

  1. adoreeeeeeeeeei! parabens!! me ajudou bastante com a minha futura pintura na porta do quarto =D

    ResponderExcluir
  2. Que bom, Karol!!! Divirta-se pintando!! =)

    ResponderExcluir
  3. Linda a porta! Vou tentar pintar um guarda-roupas antigo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vá em frente, Ca! É ótimo mudar a cara do móvel pintando, dá super certo.

      Excluir

Instagram